terça-feira, 2 de setembro de 2008

Hoje seu dia fora um tanto quanto complicado, não conseguira fingir o bem estar desta vez mas ficou admirada pela atitude das amigas, que desta vez não ficaram perguntando e perguntando o que houve, mas me fizeram sentir à vontade para falar ou não, obrigada.
E claro, não posso deixar de comentar como piorei por causa de um professor e não é qualquer professor, é aquele que mais gostava. Parece que tudo foi de propósito:
- E você, quanto que acertou no enem?
- 30.
- Que bosta hein?
- Eu sei... – o seu estado não a deixou puxar assunto mas tudo bem, ela realmente poderia ter ido melhor;
E a aula foi passando quando perdem a paciência:
- E vocês, seus bostas que acertam trinta no enem e ficam aí falando. Vocês acham que tem futuro? Vocês vão ganhar menos de mil por mês, morar num condomínio podre, serão empregados de uma firma qualquer, porque não desistem logo? – bate o sinal – Tchau para os acima de cinqüenta e para os bostas de trinta.
Claro que foi mais do que isso, ou talvez ouvindo o tom da voz tenha parecido mais intenso mas ela ficara inconformada. Já tinha notado a diferença do professor no começo do ano, um tanto mais sério afinal, terceiro colegial. Nunca pensara que chegaria a este ponto, onde não tinha escapatória – ela estava ali no meio e por isso teve de segurar o choro. Decepção. Como se tudo fosse realmente sua culpa e não culpa do governo, que só faz enem para roubar seu dinheiro.
Tudo bem, ela sabe que essa opinião não pode fazer diferença em sua vida, afinal, os elogios a gente guarda por um tempo, as críticas, nós vemos se valem a pena jogar ou não no lixo: essa vai direto pro esgoto.Porém ela também não irá mentir: isso mexeu muito com ela, por ser o professor que ela mais gostava e por ela já não estar bem. O que faz um professor mandar um aluno a desistir da vida que ele sonha? O engraçado é que ela sempre pensa nisso todo o dia, desistir e aí ouve algo assim e percebe que só falta a coragem. Coragem da qual ela faz questão de não ter, não irá desistir não importa o que faça o ano que vem. Não vou, me recuso.
Falando nisso, vai saber o que ela quer o ano que vem só sei que ela concorda com a amiga, o professor é um empregado. Aí imaginaram como será seu filho, coitado, terá de tirar notas altas ou será um bosta. Mas agora ela só se lembra da pomba morta, na qual quase pisara, antes de ver o cérebro da pobre coitada. Só mais uma vítima desse mundo de merda.

7 comentários:

LUCAS DE OLIVEIRA disse...

Enem acaba com a 'moral' da gente, mas o que acaba de vez mesmo com o "tesão" é as amizades que finges ser boas mas na verdade, não passam de uma cobra!

Eita, especula, hein?


Lucas de Oliveira

Detesto amigos que ficam especulando minha vida...

abçs

Nadin disse...

¬¬
Cansei!
UIAHAHAUIHUAHUIAUHAI
Fia... vai dar ouvido pra qualquer pangol que num tem porra ninhuma alem de um empreguinho de merda como professor?
UIAHUAUHAHUIAHUIAUI
Desencana!
Cada um faz o que pode... se quer criticar... saiba fazer isso de modo positivo!
manda ele ir da o cu no pogobol!
Ou chupar um canavial de rola!
E parar de incomodar as pessoas...
Isso que ele falou nunca que vai motivar ninguem a nada!
Que cara otario!
Compartilho de tua raiva...
E precisando... tamo ae!
Bjux pequena Resnastinha!
;p

Ramon Assis disse...

Você está precisando explodir o banheiro do colégio... (umas das minhas rebeldias)

Ok, esse professor é um idiota em um ponto: O fato de uma pessoa acertar 60 questões no ENEM ñ faz dele uma pessoa inteligente.
E uma pessoa que acerta 10, 30 também ñ tem nada a ver com burro.
A prova do ENEM é uma prova de linha de raciocinio na base da interpretação.
Meu irmão que é um gênio, não conseguiu fazer metade pra prova, ele só acertou 19. Ele é burro? Um cara que simplesmente passou em 5° num concurso com mais de 100 mil concorrentes é burro?

Esse seu professor é um ignorante, se pensa que uma prova de ENEM pode determinar o futuro de um jovem.
Se fosse eu em seu lugar, dara um jeito de colocá-lo de ridiculo no meio da sala. Mostrando pra ele, que um resultado de ENEM ñ vale nada.

Esse professor é um filho da puta.

Agora renata, segue em frente sem medo. Estude, infelismente isso é necessário. Seja rica, poderosa, gerente de empresa ou qualquer coisa. E esfregue para Deus e o mundo que você pode.

Até + rezitcha
Beijo

V disse...

Porra, dá um crédito pro professor tb né? Ele tb pode ter dias ruins e falar merda sem pensar de vez em quando. É bem o q vc falou, a gente escuta uma porrada de coisa o dia inteiro, só depende da gente separar o que a gente pega e o que deixa passar.

Naíla Íla Lá disse...

Professores... eles falam coisas como essa, sem ter noção do estrago que isso pode fazer em um aluno. Já aconteceu isso comigo, lembro que fiquei mal... mas hoje não tô nem aí para o que eles dizem. Hahaha.

Natane disse...

Mancada, graaande, foi...
Ele realmente estrapolou dessa vez. Não tinha visto meu resultado no ENEM e quando ouvi tudo aquilo, mesmo de talvez nem ser comigo, fiquei mal... Pra mim bosta é aqueles que fazem de outras pessoas uma bosta. Que humilham e machucam o outro.
~Disseram que ele não quis falar de todo mundo, mas... falou. Não mencionou exeções, sem falar nas exeções dos da nota alta. Sinceramente te acho melhor do que os queridinhos 45 pra frente. E até mais do que o bendito professor. Não por ser sua amiga ou coisa assim, mas pq vc é francamente mais inteligente no ponto de vista da vida do que o ponto e vírgula da escola. Acho que se vc é ótimo nas notas de escola, não significa que vc vai ser uma boa pessoa, mas se vc tem uma mente como a sua, impossível não ser alguém de caráter.
Um aluno nota dez talvez não veria a pomba morta, e se visse, pra ele, grande coisa. Uma pessoa nota dez veria a pomba e veria mais, veria que uma morte como foi a dela não seria uma morte pq já era hora, seria uma morte injusta, assim como 90% da humanidade.

kyles anima disse...

GREAT BLOG!