sábado, 23 de agosto de 2008

- ele tenta:
quero afogar um porre de memória no som de um choro mudo de quase toda dor que viria de um abraço! sentir um calor subindo no gelo que molha desde meus pes ate aquele planeta que de longe naum sente o cheiro desse amor! trarei outra vez um bater de asas que bate no coraçao de toda arvore que um dia comemos! Nunca que vou me entregar a um martirio ilustre daquele pobre que nem sequer nasceu! E sozinho estarei com voces fazendo triste toda tristeza que havia ante a felicidade! Entendeu?

- ela sorri:
sim

- ele dúvida:
me explica?

- ela tenta:
aaaaah você só tá afim de esquecer o que há de ruim no passado e no presente quer tentar mudar sua realidade, mas isso é tão difícil quanto arranjar coragem para se jogar de um prédio quando se está lúcido. e tá afim de amar e ser amado, de verdade, pra valer, o mais verdadeiro possivel. talvez de achar a garota dos sonhos, se é que isso existe. talvez ache que a encontrou, mas a gente nunca pode ter certeza dessas coisas. é algo que só saberemos no último segundo de vida (aí está o interessante na morte). e precisa de um tempo pra pensar, um tempo longe de tudo e todos, só você e a natureza. Mas isso já não é possível com tantas obrigações do dia-a-dia, e isso te enche de raiva: porque não podemos fazer o que queremos? quer arranjar forçar pra seguir em frente e ser o que sempre quis, mas tá difícil. sempre é difícil por isso não podemos nos entregar e sorrir, pra ver se melhora, pra não desistir, pra ver que vale a pena continuar apesar de tudo. E o principal: lá no fundo você sabeque tudo vai dar certo. Ou não.

comigo nessa dança, um sonho de criança;

8 comentários:

Prolixo Lacônico disse...

otimo texto....
bom uso de metaforas e confesso que se nao fosse a explicacao, nao iria entender nada

obrigado pelo comentario no meu blog
passa la depois
www.prolixolaconico.blogspot.com

Sr. Sem sono disse...

Esse te entende mesmo!
heheheh

mim disse...

é tão estranho ler seu blog ta ficando muito bom, é que parece que teve algum momento que eu perdi... pq a gente se conhece desde sempre, mas não é por isso que a gente se conhece completamente né ? x)

cercada de idiotas disse...

Sr. Sem Sono, eu que o entendi.

Prolixo Lacônico disse...

eu aqui de novo!!!
adorei o blog mesmoo
a espera de novos posts

qando puder
www.prolixolaconico.blogspot.com

Ramon Assis disse...

Eu acho que eu tô ficando "apaixonado" por uma mulher, e tinha dúvida se eu estava criando uma paixão, como colocado neste texto, como se fosse uma necessidade de alguém para poder continuar.

E seu texto só fez aumentar a minha dúvida.

¬¬

Murillo Leal disse...

eu diria: belo texto!

http://Murilloleal.blogspot.com/

Ele disse...

Eh Rê!
Vc realmente faz parte de um todo muito interessante!
Valeuzao por ler e falar sobre o textinho!
Sempre soube que alguem nesse mundo iria me entender!
HEHEHEHEHEHEHE
Brigadao mesmo!
Adoro essa pessoa!
Um dia apareço ai!!!!!!!

BJUXXXXXXXXXXXXXX