domingo, 7 de março de 2010





W., 01.

Ganhei de você,
Uma flor
Fiz pra você,
Um presente
E então,
Nossas mãos,
Viraram chicletes,
Ficaram grudadas,
Misturadas,
Sem chances
De ficarem
Separadas.


me sinto com doze anos de novo,
obrigada W.


_____
Para Alguns,

(...)
Poema deve de ser fulminante
Preste bem atenção:
Ele só existe para o poeta e para a amante.
De resto ele é feito pra mais ninguém.

Se acaso o amor caía em desastre e termine
De nada valerá o poema já-escrito
Porque triste,
Triste mesmo é o amém definitivo.

Das tantas que já-amei
As que mereceram: poemas eu dei
Das muitas que feneceram
Tantos poemas rasguei.

Poemas de exaltação à amada já-perdida
Tornam-se opacos e desnecessários
Feito o que se está escrito na lápide esquecida,
Assim como o poema, amigo, a paixão,
A paixão não é feita pra otários.

11 comentários:

Inez disse...

Nossa adorei esse poema, o Willian estava em estado de graça quando escreveu.

Ph Salaroli disse...

mto bom, gostei, voltarei mais vezes

JPR disse...

Como diria Edu Lobo: - "Mesmo que você fuja de mim por labirintos e alçapões,saiba que os poetas como os cegos podem ver na escuridão."

Muito bom! Visita o meu se puderes.
http://linguaffiada.blogspot.com/

Satiko disse...

Escrever poemas a quem se ama,rasgar aqueles dedicados a pessoas estupidas...paixão,paixão,o importante é somente amar e escrever sobre quem se ama!

Betty Gaeta disse...

Bonitinho... Gostei!
Bjkas e parabéns pelo blog.

seuvicio disse...

tem q desescrever.

Phellipe salaroli disse...

Mto Bom!!

renata menezes disse...

OBS.: O William não é o 'W' para quem escrevi o texto, hein!

Lenivaldo Silva disse...

Cara.Ficou foda o post...
O de cima é tão bunitinho velho.
Eu dificilmente leio poemas,apenas quando me deparo com blogs de poesia.Mas esse ficou show...

blogdolenivaldo.blogspot.com

Anônimo disse...

=)

Sabrina Lobelle disse...

que lindo, estou seguindo seu blog.

se puder visitar espero que goste e ai então siga-me

http://sabrinaapenasumaaprendiz.blogspot.com/