quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

É quando bate aquela saudade, aquela paranóia somente porque a rotina foi quebrada. Essas coisas sempre foram estranhas por isso nunca pareceram reais, mas sempre eram e não é diferente desta vez. Ou melhor, é diferente porque é verdadeiro também. Porque o espero debruçada na janela olhando a rua sabendo que o verei daqui a cinco minutos. E ele sabendo que estarei lá, sempre. Ta, sempre não, diremos que até ele decidir vir de vez.
Antes eram apenas os olhares; depois passou a ser o sorriso e os olhares; depois o ‘boa noite’, o sorriso e os olhares. Hoje em dia é um beijo e um ‘volto mais tarde’. E sempre volta. E ficamos conversando até a hora que quisermos, espantando a solidão. Já faz anos, quero dizer, meses, mas é como se fossem anos. E serão e ele sempre faz questão de dizer isso – sabe que me passa segurança apesar da incerteza que todo o mundo tem. Ontem ficamos lá fora até duas da manhã e ele disse que me ama, que quer casar e ter filhos. E se não for comigo a angustia fará seu coração sangrar eternamente. Um tanto dramático, eu sei/eu disse e ele sabe, mas gosta. E eu gosto mais ainda.

10 comentários:

. lú disse...

provavelmente eu não estaria aqui senao fosse pelo seu comentário..
é simples, não escreva o que todo mundo ta cansado, amor amor
ele olhou nos mues olhos, que coisa mais ridícula, voce tem 12 anos ? pelo menos meu blog tem ironia e sarcasmo e o seu, coisas melosas, tudo manjadinho rs ?

quer criticar, critique construtivamente, só lamento seu gosto por bowie, é ótimo

Ramon Assis disse...

Vá tomar no cu, ai de cima.

---------

Toda apaixonada.

:D

. lú disse...

com o perdao da palavra, mas qualquer um que lesse seu comentário ia achar ofensivo, interpretar da mesma maneira que interpretei, ja que me equivoquei peço desculpas, foram palavras de alguem que gosta muito do que faz e nao admite falarem mal *todo sem graça*

Bia, Preta disse...

lindo conjunto de palavras :)
a realidade e uma boa dose de sonhos e ficção juntos resultam em algo assim, PURO.

não precisa de sarcasmo, tu tem 'cartas na manga' que são acima e bem melhores que isso.

Saulo Barreto disse...

realmente não achei interresante seu conjunto de palavras não.... prefiro a realidade do que os mundo dos sonhos!!!!

Lily Bandeira disse...

Opa... nem todos tem a mesma opinião...

Acredito que falar de amor, sonhos e tal é meio manjadinho realmente, + prefiro viver em um mundo paralelo, memso que seja dentro da minha cabeça, do que viver esse pesadelo de mundo onde quem não sonha, quem não fantasia, acaba caindo na rede de falsidade, hipocrisia, ganância, etc...

Parabéns pelo blog!

Henrique Hemidio disse...

Não se preocupe honey
A lei prevê que um mínimo de funcionários deve estar trabalhando para o serviço funcionar...

Bia, Preta disse...

Ah, sonhar é válido :)
A questão não é viver sonhando, mas sonhar sim.
Sonhar e realizar.

Acho que quem não sonha é mais triste, pois num sonho podemos fazer o impossivel acontecer :)
continue sonhando Rê :)

[como a Lily disse : nem todos tem a mesma opinião :)]

Lucas Moratelli disse...

Ah, adorei o vídeo do Bowie aqui em baixo.

André. disse...

voce entendeu. ja valeu a pena o texto.